Hospital Risoleta Tolentino Neves inaugura Unidade de Cuidados Paliativos

Foi inaugurada em julho de 2015 a Unidade de Cuidados Paliativos do HRTN (Hospital Risoleta Tolentino Neves). A unidade que conta com 6 leitos próprios é fruto de um trabalho que vem sendo desenvolvido pelas médicas Ana Luisa Rugani Barcellos (geriatra), Daniela Charnizon (clínica médica) e Juliana Elias Duarte (geriatra) desde 2009.

O projeto piloto teve como proposta a criação de uma equipe interconsultora de Cuidados Paliativos. Em abril de 2009, após a aprovação do projeto pela diretoria do HRTN, Ana Luisa, Daniela e Juliana iniciaram uma sensibilização no hospital com conseqüente incorporação de profissionais das demais áreas à equipe.

A partir de 2013, as médicas passaram a receber os residentes da geriatria do HMOB (Hospital Municipal Odilon Behrens) e da residência multiprofissional do HC-UFMG (Hospital das Clínicas-UFMG) para estágio. A equipe foi se estruturando cada vez mais e houve uma mudança no vínculo e na carga horária das profissionais: Ana Luisa e Daniela ficaram exclusivamente como interconsultoras da equipe de Cuidados Paliativos e Juliana iniciou um projeto paralelo de acompanhamento de idosos frágeis internados no Pronto Atendimento.

Com a ampliação do trabalho da equipe de Cuidados Paliativos, atualmente, além dos 6 leitos e atendimento às interconsultas, é feito busca ativa nos setores do HRTN: sala amarela – porta de entrada no hospital após triagem – sala de emergência, CTI, etc.

Foi iniciado um curso de sensibilização e capacitação básica em Cuidados Paliativos, obrigatório aos funcionários que atuarão na unidade e aberto a todos os profissionais interessados do hospital. O curso aborda, em 7 encontros, temas centrais referentes à assistência em Cuidados Paliativos.

Desde seu início, a equipe de Cuidados Paliativos já atendeu mais de 1.400 pacientes e a equipe de “Idoso Frágil”, desde a sistematização de atendimento no PA, já atendeu mais de 1.700 idosos.

Atualmente, a equipe é composta pelos seguintes profissionais: médicos, enfermeiros, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, nutricionistas, fisioterapeutas, assistentes sociais, psicólogos, farmacêuticos e capelães.

A SOTAMIG parabeniza o empenho das três profissionais e de todos os envolvidos nessa conquista e deseja muito sucesso na assistência e propagação do Cuidado Paliativo.

Deixe um comentario

Nome*
Email*
Website